Explorando o Isolamento Através da Arte: A Exposição “Recolhimentos e Além” de Fernando Rodrigues

Na serena noite de 24 de agosto, o Museu Municipal “Umbelina Ferreira Barbosa” de Arujá teve o privilégio de inaugurar a exposição evocativa “Recolhimentos e Além”, uma coleção de 20 obras assinadas pelo reconhecido artista Fernando Rodrigues, que mergulha profundamente nas complexas emoções e reflexões geradas pelo isolamento durante a pandemia de Covid-19.
O artista, nascido em 28 de maio de 1975, em Guaratinguetá, e com raízes também em Cruzeiro, ambas cidades no Vale do Paraíba, S.P., iniciou sua jornada artística bastante jovem. Com apenas nove anos de idade, deu início aos seus estudos de desenho artístico sob a orientação da professora e artista Olga Silveiras Macedo. A adolescência trouxe uma mudança para Taubaté/SP e novas explorações artísticas na Oficina de Artes Eliza Pires, uma relação que se mantém presente em sua vida e obra.
Fernando Rodrigues, agora um artista e professor de arte com uma carreira substancial, exibe uma pintura contemporânea que já viajou por todo o Brasil e também cruzou fronteiras internacionais.
Uma mostra significativa e permanente de sua obra pode ser admirada nos quadros da “Via Sacra” da Paróquia Sagrada Família de São José dos Campos, que retrata a jornada de Jesus, da condenação à ressurreição, através de quinze quadros profundamente expressivos.
“Recolhimentos e Além” não é apenas uma exposição, mas uma viagem pela introspecção, um olhar para os desafios e as revelações que o isolamento trouxe para tantos de nós durante este período inédito e muitas vezes desafiador. Estas 20 obras ficaram disponíveis ao público até o dia 25 de setembro, proporcionando a todos uma oportunidade de conectar-se com as diversas emoções e reflexões que este período inspirou.
O casamento em julho de 2010 com Fabiana Mendonça Pugas Rodrigues e a paternidade de dois filhos, Yago e Matteo, oferecem a Fernando uma perspectiva única, enraizando suas obras não só na expressão de suas próprias experiências e emoções, mas também na observação das dinâmicas familiares e sociais que foram postas à prova durante os meses de confinamento.
A exposição em Arujá não foi apenas uma mostra de arte, mas uma inauguração de uma possível nova tradição artística na cidade, onde as emoções, reflexões e experiências humanas podem ser exploradas e compartilhadas através do meio envolvente e expressivo da arte.

Os artigos abaixo também podem interessar:

Artistas Locais Selecionados para a Festa das Nações e Arujá Fest A Secretaria de Cultura de Arujá tem o prazer...

Se você perdeu a oportunidade de assistir ao vivo ou deseja reviver a emocionante experiência, temos uma ótima notícia para...

Mais notícias

Edital Festa das Nações

Artistas Locais Selecionados para a Festa das Nações e Arujá Fest A Secretaria de Cultura de Arujá tem o prazer de anunciar os artistas locais selecionados para se apresentar em mais uma Festa das Nações e Arujá Fest deste ano. Estamos entusiasmados em promover nossos talentos Arujaenses e proporcionar um

Cadastro de artistas e produtores

Um cadastro de artista e ou produtor cultural é uma ferramenta crucial para a promoção e desenvolvimento da atividade artística e produção. Ele desempenha diversas funções, desde o mapeamento e identificação dos trabalhadores do setor até o acesso a oportunidades como participação em editais públicos, divulgação de trabalhos artísticos, recebimento de informações sobre cursos e eventos.

O mapeamento de artistas e produtores é fundamental para conhecer e reconhecer a diversidade de talentos existentes em uma determinada área ou região do nosso município. Com um cadastro dos trabalhadores culturais abrangente e atualizado, é possível ter um panorama mais preciso e completo do cenário cultural artístico, facilitando a criação de políticas públicas e ações de fomento cultural direcionadas.

A participação em editais públicos é uma excelente oportunidade para artistas divulgarem seu trabalho e terem acesso a recursos financeiros para a realização de projetos. O cadastro de artistas permite que eles sejam informados sobre editais e concursos, aumentando suas chances de sucesso e ampliando suas perspectivas profissionais.

Além disso, o cadastro de artistas também é uma forma eficiente de divulgação. Ao disponibilizar informações como portfólio, biografia e contatos, os artistas podem ser encontrados por curadores, produtores culturais e outros profissionais interessados em suas obras. Isso potencializa a visibilidade e a oportunidade de networking, abrindo portas para colaborações e exposições.

Outro benefício importante é o acesso a informações sobre cursos, workshops, palestras e eventos relacionados ao campo artístico. Com um cadastro de artistas, é possível receber atualizações e convites para participar dessas atividades, contribuindo para o aprimoramento profissional e a troca de experiências entre os artistas.

Em resumo, um cadastro de artistas é uma ferramenta essencial para a valorização e promoção da atividade artística. Ele possibilita o mapeamento de talentos, facilita a participação em editais públicos, promove a divulgação do trabalho dos artistas e oferece acesso a informações relevantes sobre cursos e eventos. Portanto, é fundamental incentivar e apoiar a criação e atualização de cadastros de artistas como forma de fortalecer o setor cultural e impulsionar a carreira dos profissionais envolvidos.

plugins premium WordPress